segunda-feira, 3 de dezembro de 2012

*Opção de uma cama-berço*

Estava eu a falar de berços com uma amiga minha quando ela comentou comigo que para evitar comprar um berço que serviria relativamente pouco tempo, optou pela compra de uma cama-berço. E eu, na minha ignorância, não fazia a mínima ideia do que ela estava a falar...mas fiquei bastante curiosa sobretudo após saber que o filho dela, com 5 anos, ainda dorme na mesma cama e isto desde o primeiro dia em que foi para casa.
Se optasse por uma cama-berço, mataria dois coelhos de uma cajadada só: bastante mais rentável em termos de uso e tempo (faria apenas uma compra em vez de duas) e evitaria ter um berço no sótão depois de baby R. crescer. Portanto mais espaço em casa!

  1. Pois bem, uma cama-berço tem umas dimensões maiores comparada ao berço tradicional- 140 x 70 cm contra 120 x 60 cm. 
  2. Possui uma lateral amovível com dispositivo de dupla segurança e é fácil de utilizar com uma só mão.
  3. O estrado é regulável em 3 posições para adaptar a sua altura ao crescimento do bebé.
  4. As laterais têm protectores plásticos na parte superior.
  5. Tem rodinhas enquanto berço que poderão ser retiradas mais tarde.
  6. Tem, como o nome o indica, a particularidade de ser um berço que se transforma em cama quando o bebé crescer. Duas camas numa só igual a poupança de dinheiro e de espaço para mim!

Eu virei-me para a marca Trama do Grupo Bebécar  cuja marca é conhecida por ter materiais de qualidade, design bonito e variado, e em conta.
A minha escolha recaiu sobre a cama-berço "Gamma". Aproveitei uma promoção da Prenatal e comprei a metade do preço. Nem chegou a 200€!
Por isso convém estar atento!

(imagens retiradas da Internet)

Sem comentários: